29/05/15

Peripécias no aeroporto #4

Há clientes que acabam por se tornar numa agradável surpresa e foi o que me aconteceu ontem. Entrou uma cliente e ela esteve algum tempo na loja a escolher artigos. Resolvi ajudá-la e vi que ela era um poço de simpatia. Era tradutora de francês, trabalhava em Argel e procurava souvenirs para as amigas. Tal como eu, também era de letras. Acabei por desabafar que também era da mesma área e que adorava escrever, falando por alto do meu blog. No fim, trocámos os nomes, apertámos as mãos e até o link deste cantinho. 

São pessoas assim que fazem valer a pena :-)

2 comentários:

  1. Principalmente por estarem de passagem. Se fosse para ficarem, tonavam-se tão chatas quanto as outras. eheheheh

    ResponderEliminar
  2. São momentos assim que nos fazem ganhar o dia :))

    r: Sim, não vale a pena insistir numa ilusão*

    ResponderEliminar

Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo