03/06/15

Fale português, moça!

Começo por dizer que nada tenho contra este povo. De um modo geral, são gente super legal, mas a inteligência de alguns deles - atenção eu disse alguns - ultrapassa-me. Depois de um ano a trabalhar no aeroporto, posso-vos contar alguns episódios que se passaram. Coincidência ou não, foram sempre com brasileiros. Ontem deu-se mais um. Uma senhora brasileira andava a circular pela loja e parou na secção dos galos. Dirigi-me a ela e disse:
- Estes galos são todos de metal, não se partem. 
- Ah, podji falar comigo em português que eu entendo.
- A... 
É que estava à espera de tudo... menos isto. 

0 comments:

Enviar um comentário

Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo