22/08/15

Housekeeping


Dia de folga: até poderia significar ir a algum lado fabuloso mas não. Desta vez,  é apenas sinónimo de limpezas. É daquelas coisas que não gosto muito de fazer mas que têm de ser. É cansativo sim, mas depois vem o grande sentimento de vitória quando acabo com uma casa de banho reluzente ou um fogão livre de gorduras e pronto para outra. Um lar limpo e arrumado, quem é que não gosta? :D 

É claro que daqui uns dias voltamos ao mesmo "déjà-vu" de arrumar tudo de novo. De limpar e esfregar tudo, outra vez. E lá vou eu armada em fada do lar tratar do assunto. 

5 comentários:

  1. Limpezas - tão chatas de fazer, mas a sensação depois vale tanto a pena :) E confesso que nos últimos tempos até gosto de fazer limpezas quando estou com a neura. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. O processo é chato, mas depois o resultado compensa :)

    r: Muito obrigada!

    ResponderEliminar
  3. mas é tão bom estarmos em casa e sentirmo-nos bem por ela estar impecável! :)

    ResponderEliminar
  4. às vezes acabamos por trabalhar mais nos nossos dias de folga. espero que ao menos as limpezas tenham corrido bem :)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  5. Olha, também passo a minha folga a limpar :p

    ResponderEliminar

Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogues à mesa

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo