18/08/15

Its all about connection


Depois de passar oito horas do meu dia a lidar com pessoas, a minha paciência fica ligeiramente no limite. Mas, verdade seja dita, são elas que nos fazem crescer. O ser humano não evoluía, se vivesse isolado no mundo, certo? Porque a vida é feita de pequenos grandes acontecimentos e cada um deles acabam, de certa forma, por se tornar num capítulo. 

O facto é que as pessoas procuram-se umas às outras, mesmo sendo inconsciente. É tudo uma questão de nos conectarmos uns com os outros, como uma rede social humana, de encontrar aqueles amigos de A grande. Sim, aquelas pessoas que não importa se estamos bonitos, feios, se cheiramos mal dos pés ou arrotamos... simplesmente estão lá. E só isso já facilita muita coisa. Torna certos episódios menos assustadores. 

A vida acaba por se tornar um pouco nisso: numa eterna busca de seres com quem nos identifiquemos. Confesso que no meu caso já encontrei alguns... e não há um único dia em que não me sinta grata por tê-los comigo. 

10 comentários:

  1. Muito obrigado, querida! Fico mesmo feliz por teres achado útil. Trabalho, aqui no blog, sempre em prole desse objetivo!
    De facto a Catrice prima por ter ótimos produtos e aquele Primer é o 2º de 3 produtos que comprei e que estou a adorar. Resultam mesmo e acabam por compensar o dinheiro gasto!
    O 3º produto que vou falar ainda esta semana - se tudo correr como previsto -, pode ser compilado com aquele primer e aí o resultado é estrondoso :D

    NEW OUTFIT POST | Sporty Chic
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente contigo em relação ao texto e às pessoas no geral. O que me assusta, atualmente, é que a maior parte das pessoas já não sabe ser amigo... Apenas procuram alguém para os seus únicos interesses... como se fosse algo descartável!

    NEW OUTFIT POST | Sporty Chic
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  3. A sociabilidade é uma das nossas maiores vantagens enquanto seres humanos e também uma das nossas maiores necessidades :)

    r: é verdade, ainda ter coragem para vir aqui dar um pulinho rápido é de facto motivo de orgulho também :p

    ResponderEliminar
  4. Adorei :)


    R : Obrigada pelas tuas palavras *_*

    ResponderEliminar
  5. Como eu te entendo, existem pessoas que acabam com a nossa paciência, mas se não fossem elas, não poderíamos dizer que somos seres sociais!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  6. Concordo totalmente contigo! São estas ligações que nos fazem bem, que fazem tudo valer a pena.

    r: Como te compreendo :D
    Por mais que adoremos viajar, conhecer novos lugares, permanecer longe, regressar sabe sempre bem, precisamente por nos sentirmos em casa.

    ResponderEliminar
  7. "A vida acaba por se tornar um pouco nisso: numa eterna busca de seres com quem nos identifiquemos. Confesso que no meu caso já encontrei alguns... e não há um único dia em que não me sinta grata por tê-los comigo. "

    OMG, isto bateu-me muito forte! Taaaaaao verdade :o

    ResponderEliminar
  8. "é tudo uma questão de nos conetarmos uns com os outros, como uma grande rede social humana"
    Magnifico como é escolha de cada um de nós, criar a sua rede social humana, cultivando no seu mundo as conexões necessárias para crescer :D

    ResponderEliminar

Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogues à mesa

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo