28/11/16

Trocar o "V" pelo "B": no Porto

Tudo começou com umas férias no Norte. O melhor amigo mudou-se para lá decidi aproveitar estes diazitos livres para ir visitá-lo. Nunca tinha ido ao Porto e a verdade é que adorei aquilo. A cidade é lindíssima e, apesar de ter estado um péssimo tempo, ainda assim deu para passear e conhecer novo sítios. Penso que é isso que realmente importa nas férias: descansar a cabeça. Abstrair-nos da vida real, nem que seja só por uns dias. Pelo menos, esse objectivo foi cumprido :-)

Uma coisa que reparei - além de as pessoas serem, no geral, muito simpáticas - foi que a cada três passos, encontrava um café ou pastelaria. Como devem calcular, foi díficil resistir a tanta comida!

Porto








Porta



Porta





E por aí? O que acham desta bela cidade? :-)

19/11/16

As lavandarias, a salvação no Inverno



Desde que começou o mau tempo, as lavandarias têm sido a minha salvação. Apesar de serem culturalmente americanas, têm crescido cada vez mais por cá. Para minha sorte, abriu uma mesmo ao pé de casa e adoro o seu serviço, deixando sempre a roupa quentinha! 

No entanto, é sobretudo o ambiente do espaço que me atrai. De repente, estamos a conversar com pessoas que ali estão, enquanto esperamos que a máquina acabe. Quando dou por mim, estou a conversar com a proprietária e já nos tratamos por tu. Outras vezes, encosto-me nos sofás e pego num dos livros que lá têm.

Sem dúvida que foi uma boa aposta! E por aí? Também costumam ir? :-)

12/11/16

Quando 3 mulheres se juntam...

Eu e a minha futura colega de casa em conversa.

- Bom, então eu irei viver convosco no dia 1 de Dezembro, calha a uma quinta. Depois é sexta e fim-de-semana.

- Pois... mas não estou a perceber onde queres chegar. 

Ela olha para mim com um sorriso de orelha a orelha e diz simplesmente:

- Então... festa!!! 

Cheira-me que vem aí muita rambóia. Oh se vem!

08/11/16

Entre família



 Já não via a minha melhor amiga há um mês e tal. Fomos a um café bastante acolhedor e assim que tirei o casaco e sentei-me no sofá, oiço isto:

- As tuas mamas estão maiores. Não estás grávida, pois não?

É assim que me apercebo que estou oficialmente em família.
Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo