30/10/17

Como melhorar um dia não...

Era um daqueles dias. Acordei uma hora mais tarde do que era suposto, enganei-me no sentido da linha do metro. Aconteceu-me de tudo. Por fim, chamei a Uber para me levar ao destino e, mal entrei, a motorista perguntou:

- Catarina não é? Já não a levei uma vez?

- Não creio mas é normal... nós chinesas somos todas parecidas. 

- Ah, não!! Tem o rosto muito bonito. Aliás... bom, eu não quero ofender mas os seus traços são mais... suaves.

- Oh, obrigada - respondi eu, meio envergonhada.  

Fomos durante a curta viagem a falar da beleza das asiáticas e, no fim, a senhora desejou-me tudo de bom. 

 O mundo precisa de mais seres assim.

24/10/17

Eu e a bestie... outra vez!


A minha melhor amiga fez os seus 26 anos há pouco tempo e, no aniversário dela, foi assim:

- Catarina, este é o Pedro, o Giro, lembras-te?

Esbocei um largo sorriso e lancei-lhe um olhar que dizia: "vou-te matar a seguir". Tudo porque quando vi o colega dela pela primeira vez, comentei que ele era giro. E assim ficou marcado.

- Oh, que fofinha mas acho que nunca fomos apresentados. 

Por esta altura, já as minhas faces ardiam.  

Passado um bocado apareceu a cunhada - que nunca tinha conhecido - da minha bestie. Fomos à casa-de banho e eu disse:

- Bem, a irmã do teu namorado é super elegante e bonita. Parece uma modelo!

- Pois, toda a família dele é assim.

Saímos do wc e adivinhem. Lá vai a bestie fazer das dela. Vira-se para a cunhada e diz:

- Olha a Catarina disse que tu eras linda.

Ela olhou para mim, dizendo: - Oh, que querida.  

Com uma melhor amiga assim, quem precisa daqueles familiares que contam ao mundo os momentos embaraçosos da tua infância? 

22/10/17

Mais fácil falar do que fazer


Existe o famoso cliché de "seguir os teus sonhos" mas, a verdade, é que é mesmo mais fácil falar do que agir. Primeiro, há que descobrir o sonho e  de seguida, é preciso ter tomates para ir atrás dele porque muita gente vai te dizer que não vais conseguir. Gente próxima de ti. Não é por mal, é apenas preocupação porque queres ser diferente, queres mais da vida. 


Neste momento, estou mais perto do meu propósito de vida e foi esse o grande motivo da minha ausência na blogosfera. Despedi-me do meu trabalho e agora estou mais perto de ensinar. Não vos vou dizer que é um mar de rosas e que até já tenho uma conta bancária choruda porque não é bem assim. Tem momentos de receio, de dúvida mas acaba-se por dar a volta por cima de uma maneira ou de outra. Af afinal, estou a fazer algo que adoro.

Um dia de cada vez, como costumam dizer, não é verdade? :)

02/10/17

Outubro


Setembro voou e sim, podia ter escrito mais vezes mas o tempo... esse malvado! Escasseia bastante. Em breve contarei tudo com mais detalhe. Posso apenas dizer que "mudança" foi a palavra chave começando pelo trabalho. Tem sido uma correria que espero que vá acalmar muito em breve.
Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo