02/10/16

Donna


aqui falei desta série e volto a referir. É das melhores que já vi nos últimos tempos e uma das minhas personagens preferidas da série Suits é a Donna. Para quem não conhece, a Donna é uma mulher lindíssima sem papas na língua, perspicaz, profissional, meiga e preocupada com o outro. Sabe sempre o que deve (ou não) fazer. Claro que tem os seus momentos de fraqueza, mas sem dúvida que é um furacão com um coração de manteiga. 

Se há coisa que aprendi até há pouco tempo, é que não temos de ser uma Donna 365 dias do ano. Que não há problema em, de vez em quando andar mais vulnerável, de não saber o que fazer em algumas situações ou de simplesmente ir abaixo. Não nos torna menos "Donna" apenas revela que somos fortes, mas não de ferro. Por isso, se houver momentos em que te apetece gritar "porra para esta merda" e partir algo é perfeitamente natural. 

Também faz parte. 

8 comentários:

  1. Esses momentos também fazem parte do nosso crescimento!

    ResponderEliminar
  2. é verdade. também faz parte. também gosto muito desta série ;)
    beijinho

    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
  3. Adoro a Donna =p mas a minha paixão é o Harvey Specter hehe

    ResponderEliminar
  4. Não conhecia a série! Mas creio que vou começar a ver!

    Nomeei-te para uma TAG!
    Beijinhos
    That Girl

    ResponderEliminar
  5. Muito obrigado minha querida :D Dá imenso para nos inspirarmos :D Adoro ver esse género de posts também :D

    Juro por tudo que adorava ter tempo, paciência e afins para me apegar a uma série!!! Suscitou-me imenso a curiosidade!

    NEW PERSONAL POST | What’s On My Daily Bag.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  6. Adoro Suits e adoro a Donna! Acho que está super bem construída e torço para ela e o Harvey ficarem juntos ;-)

    ResponderEliminar
  7. Estou no início da segunda temporada e também estou a gostar muito :)

    ResponderEliminar

Devaneios Lisboetas. Com tecnologia do Blogger.

Vamos devanear?

devaneioslisboetas@gmail.com

Acerca de mim

A minha foto
"Eu desejava dizer muitas coisas à rapariga que roubava livros, acerca de beleza e brutalidade. Mas o que podia eu dizer-lhe acerca dessas coisas que ela não soubesse já? Queria explicar-lhe que estou constantemente a sobrestimar e a subestimar a raça humana - que raramente me limito a estimá-la. Queria perguntar-lhe como podia a mesma coisa ser tão horrível e tão gloriosa, e as suas palavras e histórias tão nefandas e tão brilhantes", Mark Zusak em " A Rapariga que roubava livros"

Blogues à mesa

Blogging.pt

Blog Portugal

A devanear comigo